Tomate com sal.

Café com leite. As torradas com manteiga e os rabiscos sonorizados na margem esquerda da agenda. Dois minutos de meditação. Aula de yoga as 10:00, curso de francês as 11:30 e um pouco de descaso diante dos afazeres rotineiros.
Distribuo fragrâncias doces em recipientes nobres, feito seu coração. Detalho nossa intensidade de sentir medo. É tanto medo de errar. Tantas histórias desmontadas e recriadas ao longo de nossos passos incertos que bate uma certa vontade de se perder um pouco. Sabotei meus mistérios pra te entregar na bandeja meus pontos fracos e mostrei à você todas as minhas alegrias matinais, forjadas. Ninguém sorri, meu bem ás 6:30 da manhã, me calo. Enquanto tua ladainha matinal ganha a força de um lampejo estrondoso, encontro dentro dos teus olhos azuis safira uma poção natural de satisfação. A alegria semeada já não é a peça chave de nossas interações românticas. A fórmula que nos une é exatamente a mesma piada excruciada e estampada em nossos rótulos. Confio na sua bagagem emocional, pois da mesma forma você acredita nas minhas loucuras de fim de noite. E exatamente igual ou melhor do que eu, você sabe tudo sobre meu Transtorno Obsessivo Compulsivo e faz sinal de alerta quando algo de errado começa a se manifestar.
Está gravado em minha coluna cervical as letras conturbadas de um laço contínuo e arrebatador como o nosso. A-M-O-R. Enquanto as palavras se juntam na espreguiçadeira lá da sala, nós esboçamos os fatos em frente a torradeira da cozinha. É apenas o acaso benzinho. Você se encantou quando descobriu minha mania frenética de saborear tomate com sal as 22:00hs e achou uma graça. E nunca me viu comer pão com mel, mas prometeu experimentar mais de duzentas vezes. É essa sua falta de tato com os outros que me empurra diretamente para os seus braços e abraços. Enquanto caminho sozinha, você economiza as minhas lamúrias num cofre de decepções ligeiras. Nossa cumplicidade exagerada estraga qualquer cotidiano, porque exala um ar fresco de manhã risonha. Um misto de moletom cinza de dormir com terno Armani pra sair. É só intuição meu bem, daquelas guardadas em frascos que nunca perdem a validade, porque são restritos ao mal do mundo. É, minha petulância não é tão covarde, nem tão azeda. Mas sabe muito bem diferenciar minhas tolices e minhas dores. Lembra da nossa última discussão? Daquela vez que você bateu a porta na minha cara e saiu bufando escadas à baixo feito cão feroz. Depois do seu showzinho de fim de domingo, fui até a cozinha e peguei um tomate, cortei ao meio e coloquei sal, ali mesmo no canto da porta pus-me a saboreá-lo, feito criança birrenta com a cara mais deslavada do mundo e com a dor mais intensa pulsando feito bomba relógio, enquadrando meu peito inteiro, sem limites. As papilas gustativas de minha boca começavam a digerir a aspereza do sal e o insosso do tomate como se fossem fagulhas de uma dor, lasciva, pungente e cansativa. Era como se esconder de um veneno que teimava entrar nos meus lábios, uma tentativa de corroer a dor do mundo e guardá-la quente e voraz dentro do oco do peito.
E você retornou, me pegou ali, fulminando minha própria agonia dentro do meu antigo e rotineiro alicerce pra seguir em frente. Então, você riu, baixinho e de olhos fechados. E aquela única sequela de culpa ainda estava nas minhas mãos. Tomate com sal. Era dessa maneira que eu escondia meus predicados, meus descompassos, minhas loucuras. E você pegou a outra metade do tomate encheu de sal e comeu ali do meu lado atrás da porta da cozinha, feito inteiro, sem metade, sem distorção. E hoje o sal que o tomate carrega já é tão doce que tornou-se meramente ilustrativo.

121 comentários:

  1. Como sempre muito bom seus textos *-*
    Tava com saudades daqui.
    Beijoss =*

    ResponderExcluir
  2. Oh querida, muito muito obrigada pelo lindo comentário (:

    Beijinho.

    ResponderExcluir
  3. Exactamente Ju. Agradeço imensamente.

    O medo de errar bate-nos sempre à porta sem aviso prévio! Mas no entanto a fórmula que os une é algo grandioso e que vale a pena de decifrar navegando nos calorosos olhos azul safira, não é?

    «As papilas gustativas de minha boca começavam a digerir a aspereza do sal e o insosso do tomate como se fossem fagulhas de uma dor, lasciva, pungente e cansativa. Era como se esconder de um veneno que teimava entrar nos meus lábios, » - Melhores descrições seria impossível. Quase senti o cheiro de tomate e o saboreei na ponta da língua, só de ler!

    E assim termino minha querida te desejando uma boa continuação de maravilhosos textos que sempre surpreendem! (Esse amor descrito é lindo)

    Beijos <3

    ResponderExcluir
  4. Milagre é tudo aquilo que enche o nosso coração de paz.
    Paulo Coelho
    Bjs com carinho Naty

    ResponderExcluir
  5. (Não sei se o comentário que fiz anteriormente foi enviado por isso estou escrevendo de novo embora não vá ser igual)

    Em suma eu adorei o seu texto.

    Mas bem. O medo bate-nos à porta sem aviso prévio mas o amor e tanto sentimento aqui descrito neste texto prova que o que realmente importa é o que os olhos demonstram da alma. Dá vontade de entrar neles e navegar, correcto?

    «As papilas gustativas de minha boca começavam a digerir a aspereza do sal e o insosso do tomate como se fossem fagulhas de uma dor, lasciva, pungente e cansativa. Era como se esconder de um veneno que teimava entrar nos meus lábios,» - Nesta parte eu quase suspirei pois senti o cheiro e o sabor do tomate na ponta da língua. Melhor descrição não podia haver!

    Muito lindo este texto. Cheio de sentimento e sabores. Parabéns, você é muito boa com as palavras!

    Grandes beijos <3

    ResponderExcluir
  6. Não sei que espécie de encanto é esse que nos envolve quando encontramos alguém assim, que nos faz dessa forma, desse jeito. Texto de extrema delicadeza, apesar de eu preferir colocar o doce no azedo.

    BeijooO*

    ResponderExcluir
  7. Que sentimento bonito! E que maneira singela que o descreveu! Sua sensibilidade me impressionou. Essa mistura de sabores, exatamente como funciona com nossos sentimentos, caracteristicas, quando misturados ao de outra pessoa.
    beijo. =*

    ResponderExcluir
  8. Ai, é tão bom te ler Ju, caramba...

    e sem falar no título do texto, ameeei!
    amo tomate com sal, como purinho. rs


    bjs amore, saudades de conversar..
    se der me adc no msn novo: sarah.araujo80@hotmail.com

    ResponderExcluir
  9. Sabores, sentimentos, misturas com gosto de quero mais...bjks, linda!

    ResponderExcluir
  10. Engraçado é como misturamos coisas diferentes e no final, não aparentam tão diferentes assim. Essa mistura de sabores, olores, sentidos, que unem, nos mostram o quão próximo tudo fica diante do amor.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  11. muito bom Ju! como sempre =)
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Como se o conto ilustrasse uma obra de Dali

    ResponderExcluir
  13. Inimaginável a gente não se deliciar, emocionar, se envolver em cada escrito seu Ju!!!

    Menina linda, jás nascestes PRONTA!

    Um beijooooo menina tão amada!!

    ResponderExcluir
  14. Olá moça, passando pra agradecer as palavras lá no blog. :)E pra quem ñ gostava d tomate e sal, até q ele se acostumou rápido, rsrsr

    ResponderExcluir
  15. gostei disso:'' Detalho nossa intensidade de sentir medo.'' tem a minha cara.
    Adorooo mais um texto show.
    beijossssss lindona

    ResponderExcluir
  16. Feito inteiro, sem metade, sem distorção...


    =)

    Simplesmente perfeito.

    ResponderExcluir
  17. Esses momentos de vida nos são tao simples e tão loucos,,,muitas vezes nos perdemos em medos de errar,,,de falhar,,,em outras acabamos conseguindo com bem menos esforço do que parecia precisar,,,o negocio é acreditar sempre nos sonhos...grande beijo de bom final de semana pra ti...

    ResponderExcluir
  18. é tão doce ler o que escreve, seus detalhes sempre subjetivos e tocantes.
    sua poesia embutida em cada linha, em cada letra.
    cada texto teu me cativa mais.
    beijo.

    ResponderExcluir
  19. E então a cumplicidade disse a que veio!

    Que texto bonito, Ju...parabéns!

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  20. "E hoje o sal que o tomate carrega já é tão doce que tornou-se meramente ilustrativo."
    Senti um epso tao grande do sentimento passado nesse parte.
    Bem nessa parte

    ResponderExcluir
  21. "Distribuo fragrâncias doces em recipientes nobres, feito seu coração."

    Que lindo Ju!

    Cada post seu tem um quê de sensibilidade, beleza e encanto.


    Obrigada pela visita.

    Bjs doces

    ResponderExcluir
  22. Seus textos me deixam desnorteada. As comparações e a riqueza de detalhes fazem eu me perder na leitura e esquecer o que esta acontecendo ao meu redor. adoro aqui!
    Beijo Ju =*

    ResponderExcluir
  23. Que lindo aqui..
    adorei seu cantinho!

    seguindo, retribui?
    beijos
    http://pathyoliver.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Entre nossas obrigações do dia-a-dia, duvidas e incertezas do nosso coração, vazio de alma, amor e seus imensos detalhes. Saudades daqui. Um ótimo fim de semana pra ti. Beijos da Joii.

    ResponderExcluir
  25. Lindas palabras Ju, e olha que adoro tomate com sal. Bem refinada suas linhas..

    grande bjo!

    ResponderExcluir
  26. Intenso e Sensivel. Lindo e Encantador. Perfeito!!!

    ResponderExcluir
  27. Café com leite é mesmo minha grande inspiração! =D

    ResponderExcluir
  28. Uau, adorei Ju!

    Riqueza de detalhes, precisão, movimento e delicadeza.

    Beijos, saudades tuas moça.

    ResponderExcluir
  29. me emocionei....
    adorei.
    estou seguindo
    beijinhos

    ResponderExcluir
  30. Parabéns pelo texto. Estou te seguindo. Visita o meu.

    citacoesecia.blogspot.com/

    Xero

    ResponderExcluir
  31. Amiga:
    Sempre originais e contagiantes os teus textos.

    "Está gravado em minha coluna cervical as letras conturbadas de um laço contínuo e arrebatador como o nosso. A-M-O-R."

    Tenho que provar tomate com sal :D

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  32. Meu medo de errar é constante. Deve ter nascido comigo.

    ResponderExcluir
  33. Anotamos sempre pequenas grandes coisas ao lado esquerdo da agenda com os devidos horários 10h00 ou então 11h30. No texto, muito bem escrito me emocionou os olhos azuis safira, lendo esta frase me lembra de alguém com este belo olhar, olhar que também me reflete à palavra A-M-O-R. Um fascínio! Algo interessante e, quase não lembramos, é fechar uma discussão com tomate com partículas de sal. Detalhes simples e importantes que fazemos sempre. Então, sem perceber dividimos o tomate.
    Muito bom o seu texto. Delicioso!

    ResponderExcluir
  34. Adorei!
    Muito lindo texto.
    Beijos meus querida e um bom final de semana!

    ResponderExcluir
  35. Tá muito bom aqui pertinho do vento, um texto gostoso de ler e imaginar, vc como sempre oferece belas pérolas a cada um de nós, pra vc bjos, bjos e bjossssssss

    ResponderExcluir
  36. são esses pequenos detalhes que são as coisas mais doces existentes e depois se transformam nas mais amargas.

    ResponderExcluir
  37. Uma semana toda linda pra ti querida,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  38. Me encanto com os detalhes, a simplicidade e a intensidade de tudo aqui. Gosto muito.

    ;**

    ResponderExcluir
  39. A beleza se encontra nos detalhes. As particularidades mínimas que existem e que de certa forma orientam a forma compreensiva do amor envolver.

    Perfeitamente lindo. Cativante.

    Beijos querida!
    Uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  40. Juh minha linda, como está?
    Menina, saudade daqui. Ótimo como sempre seus textos, misturas de sabores, sensações, desejos, ótimas combinações.
    Ah, o título me lembrou de como eu gostava comer tomate com sal quando criança, rsrs. Era tão bom esse tempo né? rsrs
    Todo caminho que escolhemos tem os seus riscos né? Nos resta tomar apenas cuidado por eles, rs.
    Bjo menina

    ResponderExcluir
  41. Beijo doce de bom dia pra ti minha linda amiga..

    ResponderExcluir
  42. oi amiga.
    não sei se viu mas meu blog flor de lotus acabou, agora estou somente com o amor imortal.
    me segue para não perdermos o contato.
    beijos

    ResponderExcluir
  43. Ju e suas palavras belíssimas!
    Você arrasa, garota!
    beijos.

    ResponderExcluir
  44. São esses detalhezinhos todos que fazem o amor superar essas portas na cara.
    Achei LINDO, como sempre! =)

    ResponderExcluir
  45. Ando correndo pela rotina corrida. Mas não deixo de passar aqui, viu?

    Geralmente não comento, mas esse espécime foi belo depois. E de certa forma, identifiquei-me de modo meio cruel, sem saber como.

    ResponderExcluir
  46. Que exagero Ju, mas agradeço querida.
    Óptima semana para ti!
    Beijos *

    ResponderExcluir
  47. Ju,
    amei tanto tanto o texto, que acho que ainda vou ter que voltar para lê-lo algumas vezes.
    Lindo, lindo.
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  48. Que lindo teu texto! Tão cheio de singularidades, cheio de encanto! Linda a forma como e escreve e o conteúdo de sentimento expresso! Adorei!
    Agradeço sua visita e fico feliz em saber que gosta de meus escritos tb! bjsss

    ResponderExcluir
  49. obrigada (: e sim devemos aproveitar todos os momentos, o maximo possivel !

    ResponderExcluir
  50. obrigada pelo que escreves-te minha querida, escreves imensamente bem e o teu blog é um cantinho muito agradavél!
    o amor tem que ser medido, tem as suas coisas boas e as suas coisas más... mas é como tudo na vida , não é verdade?
    adorei o blog, vou seguir, um beijo!

    ResponderExcluir
  51. Acho que vou deixar o medo de lado e me arriscar mais!

    ResponderExcluir
  52. Uma quarta feira toda linda pra voce minha querida amiga...beijos e beijos...

    ResponderExcluir
  53. Ah, mas que cena mais fofa...
    Tomates com sal, doces pelo amor e pela felicidade...coisa boa!
    Grande beijo, saudades daqui!

    ResponderExcluir
  54. Texto delicioso, Ju!
    Como é bom ler algo assim!
    Adorei...
    Abraço.

    ResponderExcluir
  55. (‘Fragrâncias doces em recipientes nobres…’) Seria esse o segredo do equilíbrio?
    Pudera. Afinal temos aqui uma grande desfile com apenas um único traje – na verdade, o seu disfarce.
    Viajar nas divações e declarações de alguém requer um mínimo de sensibilidade cognitiva. Gosto dessa fonte, gosto das palavras arremessadas como num quadro abstrato onde existam perguntas e respostas em todas as extensões da arte. Cabe ao leitor procurá-las, encontrá-las e respondê-las.
    Parabéns Ju.

    ResponderExcluir
  56. E MUITOO mais iluminado fica quando vc aparece,Ju!


    Saudade grande de ti :)

    Mil beijooooos!

    ResponderExcluir
  57. Maravilhoso Ju!

    Obrigada pela visita no blog viu, e pode voltar sempre que quiser, será um prazer te receber por lá!

    Uma semana maravilhosa para ti!

    Beeijo

    ResponderExcluir
  58. Um lindo dia pra ti minha querida,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  59. Dá até pra imaginar cada cena, som e cheiro. Lindo!
    Gosto daqui. :)

    Beijos.

    ResponderExcluir
  60. amei teu Blog
    realmente bom!
    te sigo
    me visita e segue?
    beijoos

    http://rgqueen.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  61. Gostei muito deste site e por isso resolvi colocar uma mensagem para conhecimento de todos. Já existe uma maneira de se fazer grampo de celular. Chama-se telefone espião. Você pode encontrar no site www.celularespiao.net

    ResponderExcluir
  62. O fato nem é o tomate ter se tornado doce. É ele provando a parte dela, sendo inteiro. É ele participar dessa intensidade de sentimentos que salpicam em não sei quantas rotações por minuto. O gostar, sentimento longe de ser simples, implica nesse movimento não-retilíneo e não-uniforme. É o tomate azedo, podre, doce, salgado. É.

    ResponderExcluir
  63. Hummm, senti tudo.Direitinho e com eficácia.

    ResponderExcluir
  64. Juu...
    Oi aqui quem fala é a Ju House do cacheada e cheia de onda
    eu to num projeto juntamente com minha amiga de levar adiante um sonho antigo que era falar sobre problemas
    femininos, o blog seria como um disconte no cara que fez ela sofrer, e seria uma forma de ajudar alertar ou
    manter a mente de outras mulheres abertas, mostrar do que o amor é feito, é a verdade nua e crua. O nosso
    projeto é de tirar sarro dos acontecimentos, ao invéz de se deprimir e ocupar a mente com besteira a nossa
    idéia é mostrar onde tá o erro no relacionamento na postura da mulher com a vida que está levando.
    Faremos isso também em forma de vlog, que é inclusive uma forma mais rápida de divulgar, porém vamos
    começar por aqui para termos umas histórias, se você tiver algum dilema, conhecer alguém que tenha,
    mande-nos, dá uma olhadinha no nosso post, pode mandar anonimo mesmo pro e-mail, é melhor que invente
    um nome um lugar pra vocês mesmas identificarem a história, no post ou aqui mesmo, porquê faremos
    questão de responder a cada um dos e-mail's.Se quiser divulgar o blog e a idéia eu agradeceria também!


    Beijos sentimentais!

    ResponderExcluir
  65. Ju. Lindo texto e bem lúdico, adorei como sempre postas lindos textos.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  66. Um imenso beijo carinhoso de bom dia pra ti amiga querida...paz e poesia sempre...

    ResponderExcluir
  67. Esse texto me deixou um tanto... chocada. Gostei muito.

    bjs :*

    ResponderExcluir
  68. Olá! Tem selo para vc no meu blog, na página "De coração".
    Bom feriado.
    Beijos

    ResponderExcluir
  69. JU! Você é cheia de poesia. Você deve ser a própria poesia. Já falei que quando te leio eu tenho a impressão de te dançar?
    E este texto em particular e saborosamente prazeroso. De ler e de dançar!

    Linda sempre!

    ResponderExcluir
  70. É sempre muito agradável ter as suas palavrinhas no meu blogue :)
    Imensos beijos *

    ResponderExcluir
  71. Muito obrigado minha querida, igualmente :)

    ResponderExcluir
  72. Você tem a inspiração na ponta da língua e a arte de escrever no coração.
    Parabéns, menina. Muito lindo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  73. Oi Ju!
    Que legal seu blog. Virei aqui mais vezes para me deliciar com seus textos. Ah, você aceita receber selos? É que no meu blog tenho alguns, fique à vontade para levar os quais quiseres e faço questão que leves o selo oficial, que se encontra na pág. de selo oficial!

    Fica com Deus!

    Boa páscoa :D

    beeeeijos

    Com amor,
    |Cynthia|

    ResponderExcluir
  74. Um delicioso dia de feriado pra ti querida amiga,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  75. Maravilhoso, com um toque meio salgado (hum) e, ao mesmo tempo, doce. Voltarei sempre aqui, para ler estes teus lindos, lindos escritos! *-*

    ResponderExcluir
  76. Suponho que sentir medo é normal. Ruim é não ir adiante por causa dele.

    ResponderExcluir
  77. Muito bom, adorei este trecho:"fulminando minha própria agonia dentro do meu antigo e rotineiro alicerce pra seguir em frente" bjos

    ResponderExcluir
  78. Uau menina vc bota pra ahasar heim ,meus parabéns ,parabéns mesmo :D
    Bom feriado !
    Super beijo

    ResponderExcluir
  79. Uma companhia pode mudar um dia e uma vida toda! Adorei a singeleza das palavras e a riqueza de sentido e emoção! # Looking For Love

    ResponderExcluir
  80. Ju... Você dá vida as letras! Seu dom é fantástico!

    Tenha uma ótima semana!

    Um abraço carinhoso

    ResponderExcluir
  81. Não sei porque ainda me surpreendo quando leio seus textos.. Lindo demais !

    Beijo flor !

    ResponderExcluir
  82. Um dia todo lindo pra ti querida,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  83. Beijo carinhoso de bom dia pra ti querida amiga...fica na paz sempre...

    ResponderExcluir
  84. Obrigada pelas palavras querida :)
    Gostei do que li *

    ResponderExcluir
  85. "E hoje o sal que o tomate carrega já é tão doce que tornou-se meramente ilustrativo."
    Fechou com chave de ouro. Adorável.

    ResponderExcluir
  86. Ju, até o sal pode ser doce, sempre.
    Lindo texto!
    beijo enorme

    ResponderExcluir
  87. Obrigado querida.

    Uma excelente semana! :)

    ResponderExcluir
  88. retribuindo a visita..sua linda!!
    saudade...não sei de que...mas deu vontade de falar que sinto saudade de você.
    =)

    beijão!!!!

    ResponderExcluir
  89. Lindaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

    ResponderExcluir
  90. Beijinho carinhoso de bom dia pra ti minha linda menina...

    ResponderExcluir
  91. Sonho com um amor assim, um amor tomate com sal.

    ResponderExcluir
  92. Minha querida

    Lindo como sempre pedaços de vida que ficam para sempre cravados na nossa alma, adorei como sempre ler-te e deixo um beijinho carinhoso.

    Sonhadora

    ResponderExcluir
  93. Querida amiga..
    Que mensagem linda!!
    Que delicia de amor eu vou tentar comer tomate com sal isso deve fazer o coração acordar para vida .
    E e reacender a chama quase sem vida .
    Beijos lindo final de semana ,,Evanir.
    www.aviagem1.blogspot.com

    www.fonte-amor.zip.net

    ResponderExcluir
  94. Caramba!!! Que texto lindo!
    Adorei o contraste de sabor que você colocou nele. Ficou agridoce, delicioso! Parabéns, você tem um dom.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  95. Eu sempre fico com aquele gostinho de quero mais quando venho aqui.

    Lindo, Ju!

    s2

    ResponderExcluir
  96. Ei, moça
    Fazia tempo que não vinha aqui...
    Belas palavras, e... eu gosto de tomate :P
    Bjs

    ResponderExcluir
  97. Um grande beijo de bom sabado pra ti querida amiga...muita paz e poesia sempre...

    ResponderExcluir
  98. Ju!!!

    Que posso dizer de tudo que li? Oh my... E essa doçura despretensiosa e não enjoativa de tomate com sal? Creio que seu parzinho morre de tudo, menos de tédio. Lindíssima narrativa. Me pegaste pelo seu anzol. Saio daqui suspirando, para ser capturada logo mais em seguida...


    Te abraço!

    Ziris

    ResponderExcluir
  99. Beijo carinhoso de bom dia pra ti querida amiga...paz,,,carinho e poesia sempre....

    ResponderExcluir
  100. brigada pela visita!
    e adorei seu blog tbm!!! beijos

    ResponderExcluir
  101. Um lindo dia cheio de carinho pra voce minha querida...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  102. Um final de semana cheio de carinho e muita poesia pra ti minha querida amiga...beijos e beijos e beijos...

    ResponderExcluir
  103. Amor que inspira tanta beleza... Lindo!

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  104. oie *-*
    passando por aqui'
    para lhe pedir um favorzinho'
    que siga meu blog'
    http://jennyferlima.blogspot.com/
    sigo de volta'
    Bgd desde já .♥

    ResponderExcluir
  105. Gostei daqui, estou seguindo! Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
  106. Um excelente sabado pra ti minha querida amiga,,,beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  107. Muito bacana o texto, ahaha e também adoro comer tomate com sal, mas nem sempre a noite, hahaha!! Gostei de como descreve detalhadamente a situação!

    beijos!

    ResponderExcluir
  108. A sucessão frenética de eventos é característica singular e bela de tudo que te leio, menina. :)

    Toma-te com sal, que dá vida à gosto... :D

    ResponderExcluir
  109. Menina,

    Volte sempre ao Let It Be,

    Vou lá pegar um tomate e jogar sal, deu uma vontade, rsrs


    Bjkas

    ResponderExcluir