Tua

Não acho graça quando tenho que disfarçar, corro tímida, desprovida de ilusão, enquanto meus pés se fixam no chão. No teu chão exatamente. Me deixa ficar do teu lado, me deixa segurar a tua mão e fingir que posso cair. Me segura. Brinca de me esconder do mundo, enquanto minhas angústias também se perdem na exaustão do meu coração. Hei moço, não esquece que a gente construiu um jardim tão lindo juntos. Não inventa, nem pense em podar as roseiras. Elas são nossas. Nossos olhos moldaram todas as flores, enquanto o amor se espetava tranquilamente na linda rosa de lágrima vermelha. E doía aqui, nesse meu querer sempre dolorido, nesta minha insistência em fazer melhor, em ser melhor. Não me esquece moço, promete? Mesmo que o sol esquente a tua memória e mais tarde te faça ser chuva, ainda assim, deixa molhar moço. Que teu rosto caiba na preguiça minha de fazer acontecer, enquanto aqui olhando pra lua eu brinco de ser tua.

23 comentários:

  1. QUE LINDO...
    EU GOSTEI...
    BEIJOS FLORIDOS..

    ResponderExcluir
  2. E é todo esse amor verdadeiro que constrói aos poucos um chão imaginário, para podermos criar asas e não termos medo de cair.

    ResponderExcluir
  3. Doce, doce, tão doce.
    Um feliz 2012.
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Lindo! Deixe as rosas crescerem, dar pétalas aos nossos olhos! abraços

    ResponderExcluir
  5. >.< ai que fofo, querida!!!
    amei o texto.
    um lindo 2012.
    :*

    ResponderExcluir
  6. Uma cena linda. Beijo, feliz 2012.

    ResponderExcluir
  7. Ju, que saudade! Voltei!!
    É, já me senti assim muitas vezes. Nós tentamos disfarçar, mas, flores exalam perfumes inesquecíveis. Impossível fugir!
    Um beijo grande!

    ResponderExcluir
  8. Jú! Fazia um bom tempo que nao passava por aqui...
    Li seu texto e imaginei meu namorado me dizendo isso...

    Continua lindo aqui.
    Logo, os ventos me trazem de volta.
    Beijo =*

    ResponderExcluir
  9. Teu texto me deu saudades de algo tão meu...!

    Quando leio um texto que toca, entendo um pouco mais o que significa tocar.

    Beijo meu!

    ResponderExcluir
  10. Nossa que coisa linda Jú, me lembra tantas coisas.

    bjinho querida.

    ResponderExcluir
  11. Minha querida

    Que neste ano de 2012 todos os teus sonhos se concretizem e o amor e a paz alumie os teus caminhos.


    Deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  12. Lindo, Juh! Sempre bom voltar aqui! bjsss

    ResponderExcluir
  13. Apaixonante essas suas escritas dona Ju!
    Que delícia!

    ResponderExcluir
  14. E quem não gosta de ser de alguém?
    Eu costumo dizer que o amor nada mais é do que um lugar que temos pra voltar depois de um dia inteiro. Um repouso seguro e intacto.
    Assim deveremos passas as horas, seja nesse jardim olhando as estrelas que ainda não se apagaram ou comemorando as melhores horas do sol. Não importa. O que se foi conquistado nesses segundos onde o tempo pára e nenhum som pode ser ouvido além da respiração compartilhada, dura pra sempre.

    E não é esse o mito da vida? Durar?

    ResponderExcluir
  15. o sol é tão delicioso, e com toque de capim, pássaros e árvore, tudo fica tão bem.

    ResponderExcluir
  16. Olá, parabéns pelo seu blog.
    Te convido a conhecer o meu,
    http://carmasepalavras.blogspot.com/

    ;)

    ResponderExcluir
  17. Que liiiindo Ju *-*
    "Deixa molhar moço"... é só o que a gente pede...


    Voltei com o Como perder aquela garota, e te linkei por lá viiu...
    Beeeeijo
    ;***

    ResponderExcluir
  18. ahhh, fico aqui suspirante como sempre JU...saudades beijos

    ResponderExcluir
  19. Sensível e delicado o seu texto.;D
    Que o jardim sempre floresça regado por sorrisos e a simplicidade do amor.

    Fernanda

    ResponderExcluir
  20. Minha querida amiga, que saudades da tua escrita do teu sentir.
    Imperdoável a minha ausência mas eu sei que me perdoas.
    E esse moço se te esquecer é porque não sabe ver mais além.
    Um texto lindo e apaixonado.

    beijinhos

    ResponderExcluir