Guerra de Paz.

Guarde suas armas. Não tenho vocação pra capturar tiros de insegurança e lágrimas de insatisfação. Aprendi a violar as leis do peito com palavras. Carrego todas as certezas no bolso. Faço tiroteio com verbos, atiro forte na solidão. Planejo assaltos. Roubo corações. E raramente me arrependo. Sou refém de mim.
Não aprendi a rastejar diante de qualquer ilusão. Minha guerra é doce. Meu exército é de açúcar. Sou sequestradora de doçuras. Lanço mísseis revestidos de risos. Nenhuma dor me prende. A cumplicidade com o acaso me liberta. Meus passos embora firmes tem o peso do algodão, meus olhos são informantes do amor.
Esses mesmos olhos refletidos no espelho não me reconhecem. Perderam a arrogância dos que sabem tudo. No rosto - marcas de suavidade, tranquilidade de quem sabe o que é e se aceita. Perdi a guerra para discussões desnecessárias - aprendi a cantar.
O tempo me ensinou que ele pode ser amigo, pode ser lento e me encontrar a sua espera, com pés descalços e flor no cabelo.

Texto feito em Parceria com a Doce Renata Fagundes do blog:

http://ctricocintilante.blogspot.com/

29 comentários:

  1. Ju!
    Pra que tanto talento?! Me empresta uma dose pra eu escrever bonito assim?!
    Essa guerra dentro da gente, e a gente irradiando paz!
    Lindo demais! Demais mesmo.

    ResponderExcluir
  2. Essa parceria me deu de presente uma pessoa alegre, generosa e muito amiga.

    Adoro você Ju!

    Nesse mundo onde os egos guerreiam nós nos unimos para mostrar que parceria e humildade podem realizar coisas lindas.

    beeeeijo querida minha

    ResponderExcluir
  3. Ah se todas as guerras fossem assim.
    "No rosto - marcas de suavidade, tranquilidade de quem sabe o que é e se aceita. " Tudo o que eu queria !
    Beijos flores :D

    ResponderExcluir
  4. Que lindo, eu fui lá na Rê e não podia deixar de vir aqui dá os parabéns pelo texto lindo.
    Beijo lindona.
    Meu carinho.

    ResponderExcluir
  5. Ju, muito bonito. Parabéns as duas!

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. MUito lindo Parabens meninas =)!

    ResponderExcluir
  7. Que texto lindo, inspirador *-*
    "Roubo corações. E raramente me arrependo. Sou refém de mim" Linda (:

    ResponderExcluir
  8. Adorei moças! De total transparência e essência, marca registrada mesmo das duas belas escritoras! Mais que a parceria, que a inspiração permaneça sempre!

    ResponderExcluir
  9. "Esses mesmos olhos refletidos no espelho não me reconhecem."
    Lindo demais, querida!!!
    bjOus

    ResponderExcluir
  10. "Minha guerra é doce." Muito maravilhoso o seu texto ;) está de parabéns linda... beijos.

    ResponderExcluir
  11. amei* sigo.
    http://segredosvindosdoinfinito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Em guerra travada entre palavras adocicadas, parceiros se completam, seguindo em passos leves a suavizar o mundo.

    Parabéns as duas!

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Vocês duas são um amor, e juntas ficam mais cintilantes ainda!
    Que grande essência!

    Adorei, meninas :)

    beijos...

    ResponderExcluir
  14. Minha querida

    Um lindo texto escrito a duas mãos dedilhado a duas almas...um doce amargo de palavras como a vida.

    Adorei e deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  15. já relatei todos os elogios possíveis aos seus escritos, hoje devo pontuar a beleza das suas letras,a beleza da alma exposta de maneira tão doce, e essas guerras estão sendo vencidas da melhor maneira possível. parabéns como sempre... sucesso

    ResponderExcluir
  16. O tempo sempre ensina..

    *--* Lindo, lindo..

    bjoo

    ResponderExcluir
  17. Guerras de amor,,,tudo que queremos...sentimentos bons...sonhos sonhados e vividos...beijos de bom dia pra ti querida...

    ResponderExcluir
  18. Doce, leve... o contrário do que acabei de escrever. O contrário de mim. Adorei.

    Beijo

    ResponderExcluir
  19. Há inúmeras maneiras de lutar. A palavra tem muito a vencer.

    ResponderExcluir
  20. Um final de semana cheio de poesia e carinho pra ti minha querida amiga..beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  21. "Tiroteio com verbos". Adoro, Ju!

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  22. Um texto muito lindo. Puro. Dá vontade de copiá-lo! rs.
    Tudo de bom para você! Continue com o seu encantamento!

    ResponderExcluir
  23. Ju,

    estou passando para te desejar um fim de semana doce feito açúcar!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  24. Um sábado cheio de carinho e muita poesia pra ti minha amiga querida...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  25. Seu blog vai para a minha lista de " Serendipites" Obrigada pela visita! Beijos

    ResponderExcluir
  26. o tempo que ensina amizade!
    lindoo, adorei...

    beijo,
    saudade daqui!
    =*

    ResponderExcluir
  27. Viva a vida com muito amor.
    Mate saudades,enquanto é tempo.
    Peça perdão ,mesmo que seja você o ofendido.
    Recupere o tempo perdido ,procurando ser feliz nas coisas de Deus.
    Faça um carinho,alegrando alguém que esta triste.
    A todo instante,fale uma palavra especial para
    quem necessita ouvir.
    Com seu amor podera fazer mudanças em muitas vidas.
    Creia você pode não mudar tudo nesse Mundo.
    Mais poderá fezer no coração de muitos.
    A morada de Deus.
    Uma feliz tarde de Domingo na paz e na luz de Jesus.
    Bjs no coração.
    Evanir

    ResponderExcluir